Tag

sebrae

Browsing

Baixar Calculadora de Margem de Lucro do Mercado Livre: https://netanalitica.com/ferramentas/baixar-planilha-margem-de-lucro-mercado-livre/

Neste vídeo Josué Aragão ensina como calcular corretamente a margem de lucro para precificar seus produtos com preço de venda corretos.

Assista ao Vídeo: Calcular Preço de Vendas no Mercado Livre
https://www.youtube.com/watch?v=bBpzt4OYGf8

#precodevenda #precificação

Inscrições abertas para a Mentoria do Mil ao Milhão 4.0: https://r.oprimorico.com.br/facasuamatricula

– – – – – Clique neste link para fazer a sua simulação da Creditas: http://bit.ly/2QIQKCn

1) Liste todas as suas habilidades – e escolha a melhor.

O que aconselho: simplesmente, liste todas as suas habilidades, e escolha a melhor.

E com melhor, não é simplesmente aquela que você melhor sabe fazer, mas sim a que melhor no PMA:

1) Paixão
2) Mercado
3) Aptidão

2) Começar sendo operacional – mas em outro lugar

De forma obrigatória, nós sempre começamos o operacional primeiro, afinal, com pouco dinheiro, nós temos que ser tanto a cabeça do negócio como também os braços e as pernas.

O ponto aqui é o seguinte: quando temos a ideia de empreender, já queremos criar a nossa empresa do zero, e tocar, principalmente se nós tivermos uma ideia que julgamos do caramba.

Só que, eu acho que essa ideia não é a melhor possível.

Mais do que ser operacional na sua empresa no começo, vale a pena ser operacional no começo, mas na empresa de outra pessoa que faz o mesmo negócio que o que você quer.

Se você quer vender hambúrguer, por exemplo, tenta um emprego em alguma hamburgueria e começa a entender o negócio por lá.

Porque assim você consegue entender melhor sobre o operacional, os custos e a força do lucro do negócio, mas por meio do empreendimento de outra pessoa.

Isso vale tanto pra quando você quer começar um negócio do 0 com uma ideia nova, como também nos casos em que você quer criar uma franquia com um modelo que já deu certo.

3) Busque o MVP – Minimum Viable Product

Ou seja, antes de entrar de cabeça, crie um produto com o menor custo que você conseguir, e sinta a performance dele. Estude. Veja os resultados.

Isso é importante porque, como dono do negócio, você sempre tem acesso a informações – e informações que você pode não ter pegado enquanto tava na experiência. E também assim você consegue testar a sua própria performance como executor.

É aquela coisa: ao invés de pular com tudo na piscina, entra com o pé aos poucos, mesmo quando você sabe nadar. Isso faz bastante diferença, e te ajuda a não cometer erros.

Só tem uma coisa aqui: não fique preso no MVP.

Tem empreendedor que fica pra sempre no MVP, e esquece de fazer CAPEX, ou seja, de investir capital pra fazer a empresa crescer e ela, no futuro, ter acesso a investimentos ainda maiores e melhores.

Por isso, use esse processo pra acumular mais grana, mas não fique fazendo do lucro, um salário.

E fique atento no próximo passo:

4) CAPEX é necessário, mas precisa ser estudado

Não é errado procurar dinheiro emprestado. A maioria das grandes empresas possuem dívidas, e existe um motivo bastante óbvio pra isso: na vasta maioria das vezes, o capital de terceiros (ou seja, o dinheiro emprestado de instituições) sai mais barato pra empresa do que o capital próprio (ou seja, buscar sócios e trocar uma fatia da empresa por recursos).

Capital próprio tem vantagens MUITO boas, que não se restringem somente ao funding (já que você traz também uma mente que pode ajudar muito no negócio), mas trabalhando aqui com o caso que a sua única e real necessidade é ter o dinheiro, então buscar o dinheiro com algumas instituições faz mais sentido.

Onde? Tem que fazer simulação. Não tem jeito. E aqui esse financiamento é muito importante porque deve ser encarado como custo de capital pra empresa, e o ROIC dela (ou seja, o retorno sob esse capital investido) necessariamente deve ser maior do que o custo de capital, senão você não se sustenta.

Uma alternativa, claro, é por exemplo dar algum tipo de garantia no seu empréstimo. Com garantia, você reduz a taxa em do empréstimo e consegue fazer com que a sua empresa consiga ter tempo suficiente pra fazer o investimento vingar e ter uma taxa de retorno boa.

5) NÃO DEIXE O FEEDBACK DE LADO

As duas próximas dicas são essenciais pra você sustentar tudo isso que estou falando.

Isso porque, conforme você for crescendo, você vai deixar o seu lado operacional de lado e fazer muito mais parte do mundo da estratégia da sua empresa.

Com isso, uma coisa que você não pode deixar de ver: os feedbacks da sua empresa.

SIM, os feedbacks, principalmente os negativos, são suas ferramentas principais pra melhorar e continuar sempre aprimorando a sua empresa.

Não os ignore, mesmo que ler todos eles seja doloroso. Use eles ao seu favor e faça aprimoramentos constantes na sua empresa com base neles, do mesmo jeito que os juros compostos te ajudam nos investimentos (só que no empreendedorismo).

O cliente é soberano, e se você respeitar ele, você consegue abrir uma empresa e deixar ela duradoura.

Materiais: https://negocioexpresso.com.br/oportunidade-unica-para-montar-um-ecommerce-no-brasil-lp/

Estamos vivendo um dos melhores momentos para construir negócios sólidos e duradouros.
Nossa economia mostra sinais de forte recuperação através de medidas do governo bolsonaro.
Quem se posicionar agora pode garantir um futuro próspero e brilhante. Depende de você.
Aproveite enquanto a barreira de entrada para esse mercado ainda é baixa.

#Ecommerce #ComercioEletronico

criar ecommerce
como montar um ecommerce
jair bolsonaro

Inscrições abertas para a Mentoria do Mil ao Milhão 4.0: https://r.oprimorico.com.br/facasuamatricula

– – – – – Clique aqui para seguir o primo no instagram: http://bit.ly/instagram_primo

O vídeo de hoje tem um objetivo: se você quer empreender, ou já começou seus passos no empreendedorismo, você possivelmente ainda não sabe como escalar o seu negócio.

Pior: talvez você nem tenha realmente um negócio de verdade.

Isso é o que acontece bastante, principalmente no empreendedorismo digital. Muitos empreendedores, poucos negócios sendo formados.

Isso acontece porque, pra algumas pessoas, o seu “Negócio” depende delas. Ou seja, se a pessoa que criou o negócio some, a empresa some junto.

Isso tá errado, e, no vídeo de hoje, eu vou te ensinar exatamente como você pode mudar isso! Você vai ter uma economia de tempo e esforço.

Você, como empreendedor, terá que passar por 3 estágios:

Operacional
Executivo
Estratégico

O passo operacional é o inicial: quando você é o faz tudo. Compra a matéria prima, executa, e cria o que você oferece ao cliente final, e atende o cliente final também.

O passo executivo vai além: você consegue contratar pessoas para fazer o operacional, e você ainda tem uma margem de lucro que você consegue utilizar pra executar planos de aumentar ainda mais o seu negócio.

Já o passo estratégico vai ainda mais além, e você consegue focar mais na sua estratégia de business, deixando para outros a parte executiva.

Só que, além de ter essa construção na sua mente pra ter um negócio de verdade, você ainda vai precisar passar por 4 passos:

1) Vender a sua hora
2) Vender um produto
3) Vender um projeto
4) Ter equity

Ao ver o vídeo de hoje, você terá em mente todos os passos que você precisa não só pra ganhar dinheiro e pra entender como enriquecer, como também noção para montar empresa (no caso, a sua) orientada pro equity e pro sucesso no longo prazo.

Mei Microempreendedor Individual.
Aprenda tudo o que você precisa saber sobre MEI nesse vídeo.
Link para abrir seu MEI: http://www.portaldoempreendedor.gov.br/

Montar a estrutura legal do seu negócio consiste em ter um CNPJ para trabalhar formalmente com a sua empresa. O MEI veio para facilitar a nossa vida.

Muitas dúvidas surgem sobre o Microempreendedor individual. Assista essa aula e saiba todas as dicas necessárias para abrir o seu MEI.

#MEI #MicroEmpreendedorIndividual #CNPJ